quarta-feira, 15 de março de 2017

Nº 20.996 - "Propaganda de Temer sobre previdência é suspensa. Moura pode processá-lo"


15/03/2017

Propaganda de Temer sobre previdência é suspensa. Moura pode processá-lo


Do Tijolaço  · 15/03/2017

moura1


Por Fernando Brito


Não se passaram 24 horas e a burrice da comunicação de Michel Temer  com suas peças de propaganda sobre a reforma previdenciária – como se comentou ontem aqui – está atestada.

A juíza Marciane Bonzanini da 1ª Vara Federal de Porto Alegre, concedeu hoje liminar a nove sindicatos gaúchos para suspender os anúncios do governo federal sobre a reforma da Previdência em todas as mídias em que vêm sendo publicados. Cabe recurso. A multa pelo descumprimento da medida é de R$ 100 mil por dia.

Uma delas, a que acusava Wagner Moura de ter sido contratado pelo MTST para divulgar informações distorcidas sobre as consequências da proposta temerista, deve virar uma ação judicial do ator que, óbvio, participou voluntariamente da peça, editada pela turma do Midia Ninja.

A burrice da comunicação do Governo é tanta que o Ministro Henrique Meirelles marcou para o dia 22 o anúncio sobre a necessidade de aumentar impostos, onde não vai anunciar , óbvio, nenhum aumento de impostos, pois não é louco de fazer isso a quatro dias da marcha dos “coxinhas de pato”.

E se só pode dizer que não, é claro que todo mundo ficará esperando que, logo adiante, diga que sim.

.
.