segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Nº 20.395 - "Pago pela Odebrecht via marqueteiro, Aécio deve desculpas a Santana"

Santana era acusado de receber recursos da Odebrecht no exterior, que, aparentemente, nada tinham a ver com Dilma, mas sim com campanhas feitas pelo publicitário na África e na América Latina, mas ainda assim o presidente nacional do PSDB comemorou.

"Ultrapassamos a fase testemunhal, das delações, e chegamos à fase documental. As investigações mostram que o publicitário do PT recebeu dinheiro durante o período eleitoral", disse ele. "É um forte indício de que o que apontamos lá atrás, que a campanha recebeu dinheiro de propina, estava correto. Por isso, temos que ter a serenidade de não apenas fazer o embate político, mas tratar as coisas no leito adequado: a Justiça", afirmou o tucano.

Bom, sabe-se agora, pelas delações da Odebrecht, reveladas pelo jornalista Renato Onofre, na revista Veja, que quem era pago pela Odebrecht, via seu marqueteiro Paulo Vasconcelos, era Aécio – e não Dilma (saiba mais aqui).

Segundo a reportagem, Vasconcelos recebia recursos da Odebrecht, por serviços não prestados, e bancava despesas pessoais de Aécio, agindo como uma espécie de caixa informal do presidente nacional do PSDB. De acordo com investigadores, está tudo "muito bem documentado" e Aécio ainda não questionou a reporta
gem de Veja.

O senador, portanto, deve um pedido de desculpas à sociedade brasileira e ao publicitário João Santana – além, é claro, da presidente deposta Dilma Rousseff.


_______________________________
 .
PITACO DO ContrapontoPIG

Com tantas delações, com tantas provas, como pode Aécio ainda não ter sido incomodado pela Justiça. 

Não deveria um usuário de drogas e corrupto deste coturno estar preso há muito tempo?

_________________________________
.