quarta-feira, 5 de abril de 2017

Nº 21.156 - "Petroleiros baianos votam na resistência ao desmonte de Parente"

.

05/04/2017



Petroleiros baianos votam na resistência ao desmonte de Parente


Cafezinho - 05/04/2017

Escrito por , Postado em ColunistasExclusivo!Wellington Calasans

Por Wellington Calasans, Colunista do Cafezinho
Cada vitória contra o golpe deve ser celebrada com entusiasmo. Algumas notícias dificilmente serão publicadas na mídia comprometida com o desmonte do patrimônio público, mas através delas devemos entender que os focos de resistência começam a ganhar corpo. Neste caso, a vitória esmagadora da Chapa 1 nas eleições para a escolha da nova direção do SindipetroBA merece a nossa especial atenção.
Se até aqui o discurso vazio de Pedro Parente, de que trabalha para modernizar a PETROBRAS, com o apoio da mídia entreguista, conseguia enganar até mesmo alguns petroleiros, na Bahia o desmonte da empresa já é visto como uma nova luta a ser travada pela categoria para que seja evitado o trabalho sujo do afilhado de José Serra. O expressivo número de votos (82%) obtidos pela Chapa 1 consolida o repúdio dos petroleiros aos desmandos de Pedro Parente.
A consciência política dos petroleiros é um importante sinal de que “caiu a ficha” que o golpe é uma tramóia contra o Brasil e os brasileiros. São esses trabalhadores que, através da PETROBRAS, movimentam boa parte da economia nacional e influenciam outros profissionais, numa importante cadeia produtiva do país.
A vitória da Chapa 1 do SindipetroBA é um anúncio de resistência por mais três anos contra os desmandos de Pedro Parente. Lutas que são indispensáveis à sobrevivência da PETROBRAS e dos petroleiros e que certamente irão influenciar a classe petroleira de todo o Brasil, em particular, mas também outras categorias.
Assista ao vídeo, exclusivo de O Cafezinho, onde o coordenador reeleito do SindipetroBA, Deyvid Bacelar, fala sobre a vitória da sua chapa e os desafios dos petroleiros, anunciando inclusive uma greve da categoria.
.